terça-feira, 22 de março de 2016

Como transferir um desenho para a camiseta, usando papel vegetal e lápis 6B

Estampando o desenho de uma ''boquinha charmosa'' + Camiseta Estilizada Com Franjas e Spikes


Falando em estampas, do tipo diy, postadas aqui no blog até o momento, são de desenhos mais simples, de silhuetas, usando os moldes de papel sulfite, ou como aquele dos moldes em miniaturas feitos com a tampa do pote de sorvete.

E como havia comentado, em um post desses, agora vou mostrar, como transferi para o tecido, um desenho mais detalhado, de forma manual também, método que serve para outros desenhos.



Então...dias atrás, fiz a estampa de uma boca estilosa, o desenho não é igual, ao que tenho na loja virtual, mas é parecido e, inspirado na t-shirt estilizada da Lana Del Rey, (foto aqui).



Só precisa de um tiquinho de paciência na hora de riscar, mas vale a pena, o resultado é bem legal...:)



Customização:


Material:

Desenho impresso no A4 (papel sulfite)

1 folha de papel vegetal A4

Lápis 6B

Fita crepe, que servirá para manter e prender o papel no lugar certo.


Costumo usar uma fita métrica pra me orientar na hora de centralizar o desenho. Nas laterais da blusa, deixo o mesmo tamanho, aí vou ajustando até ficar igual.




Prendi o sulfite com 3 pedaços da fita crepe, deixando a parte inferior sem.


Depois coloquei o papel vegetal embaixo da folha sulfite, até sumir de vista e se ajustar a folha do desenho.


Importante: para que dê certo, o lápis tem que ser o 6B, de desenho, talvez o 4B também funcione, enfim, tem que testar. Usei um lápis 6B ''ching ling'' que comprei numa loja de coreanos, onde moro...xD.

O que ocorre é que, quando chegar a última etapa, que é a de passar o lápis, sobre o contorno feito antes com 6B, o grafite deste, vai se soltar, marcando o tecido.


Passei o contorno pelo desenho todo. (Lembrando que a outra folha de papel vegetal tá abaixo desse desenho)...(:


Importante: depois que terminei o desenho, soltei a fita que prendia somente o lado da folha, a outra parte da fita crepe permaneceu no tecido. Note que o desenho passou para a folha que estava embaixo, ficou um contorno branco na folha de papel vegetal.


Descartei a folha sulfite. Peguei a folha de papel vegetal, e virei do outro lado, que está sem a marca do rabisco (contorno branco), mas como é transparente dá pra vê-lo.


Novamente passei o lápis 6B, contornando todo o desenho...





Importante: coloquei o lado da folha que tem o contorno de lápis, para baixo, no centro da camiseta, e prendi com as fitas, que havia deixado coladas no tecido. 





Pela última vez...(calma que tá acabando essa parte...(rs)), contornei o desenho...:)



Ao retirar a folha de papel vegetal, o contorno do lápis, já estava na camiseta. Depois parti para a pintura.



Usei as tintas para tecido da marca Acrilex, cores: vermelho fogo, preto e branco.


Apliquei o vermelho primeiro, depois o branco e por último o preto. Pincel menor para áreas menores, e deixei secar.


Para ''dar uma finalizada na arte'', passei o contorno preto, com a caneta para tecido, também da Acrilex.



Camiseta Estilizada com Franjas e Spike

Franjas:

Antes de começar, corto a barra da camiseta, que é a parte da costura. Para cortar as franjas, ter em mãos uma tesoura afiada, é o ideal.



As franjas serão na vertical, costumo dobrar a camiseta ao meio. Faço o primeiro corte, dividindo ao meio.


Depois faço as linhas, com auxílio de uma régua e risco de giz. Em seguida, corto as tiras bem devagar, nem muito fina nem muito larga. Ao terminar, estico devagar cada uma delas, pra dar acabamento.


Spikes...
Dica: Pra quem é de sampa, já comprei através da internet, no Armarinhos 25. Lá eles vendem um kit igual a esse aqui, muito fofo, não sei se tem ainda, que já vem com o aplicador, usei em uma das minhas primeiras customizações, e o valor foi muito bom, recomendo! Maaas, dê uma olhadinha também no armarinho da região onde você mora, ou ainda, pesquise no mercado livre...:)



Como Aplicar o spike?

É só pressionar as 4 pontas do spike sobre a área desejada, e pelo lado avesso, com o aplicador, pressionar a ''garrinha'' contra o tecido para fechá-lo, e prontinho, mas se não tiver um aplicador, dá pra improvisar alguma ferramenta, só tome cuidado para não se machucar.




Mangas:
Fiz 2 dobras em cada uma delas, apliquei 3 spikes acobreados em ambas, que servem para prender a barra dobrada.



Ombros:

No ombro, dividi em 2 parte iguais, e no centro, fiz 1 pequena sobreposição com os tecidos, o que diminui a largura nessa área, e apliquei 2 spikes .



Coloquei 1 de cada lado, a costura fica no meio. Para aplicá-los na roupa, é bem fácil, pressionando as pontinhas no tecido, e pelo lado avesso, com o aplicador empurrar as 4 ''garrinhas'', para fechá-las, e só.


Pelo tamanho da camiseta, não consegui deixar as franjas tão compridas, como no modelo que a Lana Del Rey usa, mas procurei deixar o mais longas possível, o que deixou a camiseta bem mais curta, caso opte por camiseta mais fechada, cobrindo a barriga, deixe as franjinhas mais curtas.



Teh+!


Imprimir



sexta-feira, 18 de março de 2016

Significado dos Símbolos das Etiquetas de Roupas

Olá pra todos, à vocês donas de casa, ou você amigo (a), que assim como eu lava suas próprias roupas, conseguem entender o que diz as etiquetas com as instruções de lavagem e conservação das peças?

Eu até leio... reflito, acho que entendo um ou outro, mas sempre lavo as peças do jeito que me parece melhor, do jeito que aprendi com a minha mãe. Bom, elas ficam limpas, é o que importa, mas talvez eu esteja, reduzindo sua vida útil, por ignorar as etiquetas.

As instruções, foram determinados pela ABNT ( Associação Brasileira de Normas Técnicas), de acordo com a norma NBR/ISO nº 3758/2006, lançada em 2007, mas em janeiro de 2009 obrigatoriamente a indústria têxtil precisou se adequar à elas. A finalidade é a de nos orientar, quanto aos cuidados para a conservação dos tecidos de um modo geral.


Acho que muitos deles, aparentemente, são difíceis de decifrar. Aí pensando nisso, para poder consultar quando eu precisar, procurei resumir os símbolos em 2 tabelas, com seus respectivos significados, logo mais abaixo, já que é uma boa ideia, dar atenção a esses pequenos detalhes, pois o processo de lavagem, assim como o de secar e passar, são fatores que determinam a conservação das mesmas, com ''carinha de nova'', por muito mais tempo.

E que tal fazer a impressão das tabelas, e colá-las na parede da área de serviço, da lavanderia? assim dá pra consultá-las nesse momento tão feliz que é lavar roupa...(rs) até parece né, bom acho que algumas pessoas devem gostar, é preciso, quem não gosta de uma roupa bonita, confortável, limpa e cheirosa...;)



Imprimir

Qual o Significado dos Símbolos das Etiquetas de Roupas?




Cuidados Básicos Para Conservação das Camisetas


Em relação aos símbolos das etiquetas das camisetas, encontrei semelhanças entre elas, mesmo quando as composições dos tecidos são diferentes, exemplo: camiseta 50% poliéster e 50% algodão, ou 60 % poliéster e 33% viscose, ou  ainda 100% algodão. 

Nessas etiquetas também constam como informações adicionais:

* não torcer; 
* não usar alvejante à base de cloro;  
* secar à sombra e ;
* não passar o ferro sobre a estampa.

Enfim, esses cuidados são básicos para qualquer camiseta, e fáceis de entender, afinal está escrito, mas seguindo esses passos, as peças terão vida longa, preservando tanto a estampa, se assim tiver... quanto ao próprio tecido, não custa né?...:)

Teh+


Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *